LED Indoor: conheça o universo da iluminação e do cultivo indoor de plantas

Numa rápida pesquisa pela internet por cultivo indoor no Brasil ou LED para cultivo indoor, é possível perceber que o termo LED Indoor é um dos mais buscados e mais utilizados neste contexto.

Mas o que significa LED INDOOR? Quais estudos estão conectados com este tema?

LED Indoor: cultivo cresce a cada ano no Brasil
LED Indoor: cultivo cresce a cada ano no Brasil

Bom, logo de cara, aqui vai uma curiosidade interessante: embora muito popular e muito buscado, o termo LED Indoor não existe em termos da língua portuguesa. Ele é, na verdade, uma contração, ou seja, uma forma resumida de dizer “LED para cultivo indoor”. O que já faz bem mais sentido, certo? Trata-se do estudo da utilização da iluminação LED com a finalidade de cultivar plantas indoor (ambientes fechados).

Entenda o termo LED INDOOR: qual o significado?

Para já começar falando a mesma língua, vamos ver uma explicação simples sobre esses termos e, ao longo desse artigo, vamos nos aprofundando e detalhando um pouco mais, inclusive sugerindo artigos complementares para você, combinado?

LED

É a sigla para o termo em inglês “Light Emitter Diode” que, em português, quer dizer “Diodo Emissor de Luz”. Para ficar ainda mais simples: LED é um dispositivo capaz de transformar energia elétrica em luz. Isso te lembra alguma coisa? Sim, exatamente isso. É a mesma capacidade que tem uma lâmpada convencional.

Mas, então, qual é a diferença entre o LED e uma lâmpada comum?

A diferença é que o LED faz isso sem utilizar filamentos metálicos, radiação ultravioleta, descarga de gases ou outras formas utilizadas pelas lâmpadas convencionais. No LED, esta transformação de energia elétrica em luz acontece na matéria (é o que se chama de “Solid State” ou “Estado Sólido”).

Indoor

Também se origina do inglês e, quando utilizado no contexto de cultivo de plantas, significa “praticado em ambiente fechado”. Portanto, LED cultivo Indoor, ou simplesmente LED Indoor, pode ser livremente traduzido como: Iluminação LED para cultivo praticado em ambiente fechado. Mas, quando as pessoas buscam na internet, elas resumem para uma forma mais curta de dizer: LED Indoor.

Por esse motivo, o termo ficou muito famoso no mercado e, nesse artigo, sempre que você ler LED INDOOR tenha em mente o sentido de “LED para cultivo indoor”, ok?

Abaixo vamos começar a passar pelos principais temas conexos a LED INDOOR. Vamos lá?

LED Indoor: o que é Quantum Board?

Agora que já ficou claro o que é LED Indoor, vamos entender o significado de outro termo muito associado a esse tipo de iluminação: “Quantum Board”.

Quantum Board Master Plants
Quantum Board Master Plants

A expressão Quantum Board é utilizada para explicar uma nova forma de iluminação, na qual muitos CHIPs (pequenos diodos de LED) estão distribuídos ao longo da superfície de uma placa plana. Ou seja, Quantum Board é uma placa com CHIPs de LED distribuídos ao longo de sua superfície. Ficou mais simples, né?

A Luz emitida destes diodos, alimentam, fortalecem e mantém vivas as plantas cultivadas pelo jardineiro. Portanto, é fundamental estabelecer a premissa de que a expressão Quantum Board por si só pouco significa. O importante é você saber quais são os componentes e principalmente, quais são os CHIPs de LED presentes nesta placa e à qual geração de tecnologia pertencem.

Esta é a pergunta mais importante para entender a qualidade da Quantum Board que você está pesquisando. Além dos CHIPs, há outros itens importantes na placa e se você quiser saber em detalhes tudo sobre Quantum Board, clique no artigo abaixo:

LED Indoor: CHIP de LED, pequeno no tamanho, ENORME na importância para a Quantum Board

Para funcionar, um painel LED Indoor conta com vários componentes, mas o principal deles é o CHIP semicondutor. Ele é uma pecinha minúscula (seu tamanho é medido em milímetros), mas é responsável pela geração da luz no painel LED Indoor, ou seja, é o responsável pela razão de existir da placa.

É por isso que o termo Samsung aparece tantas vezes em buscas relacionadas a LED Indoor. Isso acontece porque a Samsung é a fabricante do CHIP mais eficiente do mundo, atualmente, para cultivo indoor: o CHIP LM301H, criado pela marca especificamente para finalidade de horticultura.

LED Indoor: como escolher sua iluminação LED Cultivo Indoor?

Diante de tanta informação, é normal surgirem outras dúvidas na hora de decidir qual é a melhor iluminação LED para você. Então, vamos lá! Vamos entender um pouco mais desse universo LED Indoor, para que você tenha segurança e tranquilidade na hora de escolher sua iluminação LED cultivo indoor.

Logo de cara, tem uma dúvida que você precisa entender: qual a DIFERENÇA DE COB LED e LED SMD?

LED Indoor: diferença entre Quantum Board (SMD) e COB LED

COB é a sigla para “CHIPS On Board” (“CHIPS em uma Placa”). Perceba que o COB, assim como a Quantum Board, envolve o CHIP (diodo de LED) e envolve a placa. Ambos são LED (diodos que emitem Luz, conforme explicamos acima).

Mas eles são diferentes no quesito tecnologia.

  • Na tecnologia COB: todos os diodos de LED são encapsulados bem próximos, num único CHIP, para produzir um único e poderoso feixe de luz. O COB, portanto, emite um feixe de luz mais intenso e concentrado:
COB LED Master Plants
COB LED Master Plants
  • Na tecnologia SMD: uma Quantum Board utiliza outro tipo de tecnologia, denominada SMD – Surface-Mounted Diode ou “Diodos Montados em Superfície”. A tecnologia SMD também utiliza diversos diodos de LED, porém eles são maiores e melhor distribuídos pela superfície da placa. Aqui o feixe de luz será mais abrangente e melhor distribuído pela sua área de cultivo:
Quantum Board Master Plants
Quantum Board Master Plants

É razoável afirmar que a tecnologia SMD (Quantum Board) é mais eficiente para aplicações em cultivo indoor do que a tecnologia COB, especialmente se você cultiva jardins horizontais (são aqueles nos quais você quer que sua planta se desenvolva igualitariamente para todos os lados do caule, formando uma planta robusta, larga).

E o motivo é óbvio, certo?

A Quantum Board distribui melhor a luz e, desta forma, sua planta receberá, nos diferentes pontos da área de cultivo, uma parcela mais igualitária da luz total emitida pelo equipamento.

LED Indoor: o que é Full Spectrum e por que HPS é uma tecnologia ultrapassada em relação ao LED?

Outro termo muito utilizado no contexto LED INDOOR é FULL SPECTRUM.

LED Indoor: o que é Full Spectrum?
LED Indoor: o que é Full Spectrum?

Um equipamento Full Spectrum emite um espectro de luz amplo, passando por todas as faixas principais de luz para fotossíntese das plantas (Luz PAR). Para poder dizer qual a melhor lâmpada para cultivo indoor, você seguramente precisa saber se o seu equipamento é Full Spectrum (em termos mais técnicos: você precisa saber se ele abrange o espectro da Luz PAR).

Neste sentido, o LED é a melhor tecnologia para iluminação para cultivo, abrangendo totalmente o espectro de luz, com ênfase nas cores azul e vermelha, que são as principais cores utilizadas pelas plantas.

Em comparação com o espectro de luz de lâmpadas tradicionais para cultivo, como HPS, o LED sempre desempenha resultados MUITO mais abrangentes de espectro.

Se você deseja saber em mais detalhes como escolher a melhor lâmpada para cultivo indoor, sugerimos o artigo abaixo para completar seu conhecimento:

LED Indoor: independente da sua escolha, exija garantia e assistência técnica

Neste artigo você conferiu conceitos básicos e ainda indicamos leituras complementares que te colocarão numa posição avançada para desenvolver seus estudos sobre LED INDOOR (LEDs para Cultivo Indoor).

Queremos encerrar reforçando: independente da sua escolha de equipamento, sempre exija que a marca vendedora dê garantia e forneça assistência técnica. É um investimento alto comprar sistemas LED INDOOR, você precisa estar protegido.

E não esqueça: qualquer dúvida que você tiver sobre LED INDOOR, é só chamar a Master Plants! Estamos à total disposição!

Boas colheitas!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn